Covid-19: a relação entre o vírus e os alimentos

Especialistas alertam para a importância da higienização mesmo dentro de casa.

Com o avanço da pandemia de Covid-19, o novo Coronavírus, é importante se atentar a cada detalhe para evitar o contágio e a transmissão da doença. Com a quarentena declarada pelo Governo do Estado de São Paulo, grande parte da população está em casa, mas isso não significa que estamos 100% seguros.

Mesmo não tendo contato com pessoas de fora, a higienização é essencial para manter o vírus longe de você, e isso também vale para alimentação. O Coronavírus não é transmitido através de alimentos, mas sim pelas gotículas e saliva da pessoa que, ao ingerir algo, automaticamente as deixa lá.

Alguns pesquisadores do Centro de Pesquisa em Alimentos (Food Research Center – FoRC) da USP separaram algumas dicas de quais cuidados você deve ter com sua comida e cozinha.

Lave as mãos e os pulsos antes de qualquer manuseio: a maneira correta é com água e sabão, sem esquecer as regiões entre os dedos, pontas dos dedos, dorso das mãos, pulsos e antebraços.

Limpe a cozinha: é importante que o ambiente esteja bem higienizado antes de qualquer preparo. Bancadas, pias, louças e demais utensílios devem estar sempre limpos e secos, sem resíduos de alimentos. Geladeiras, freezers, fornos, fogão e demais eletrodomésticos devem ser limpos e higienizados com regularidade, com água, sabão e sanitizantes ou água sanitária. O mesmo vale para as paredes, chão e tetos.

Higienize os alimentos: os que serão consumidos crus, como os vegetais folhosos, a recomendação é remover as folhas externas ou danificadas, separar as folhas uma a uma, lavá-las com água tratada abundante e deixá-las em imersão, por 15 minutos, em uma solução de água sanitária (uma colher de sopa diluída em um litro de água), lavando-as depois com água tratada corrente novamente. Para vegetais não folhosos e frutas a serem consumidos com a casca, o procedimento deve ser o mesmo.

Atenção aos serviços de delivery: procure fazer o pedido em um local de confiança; dê preferência à embalagens de papelão, pois o vírus resiste por menos tempo do que em outros materiais; verifique se está na temperatura correta solicitada; veja se o tempo de entrega está de acordo com o acertado com o fornecedor; evite contato com o entregador; procure fazer o pagamento por aplicativo para evitar tocar na máquina; prefira alimentos prontos; tente não deixar sobras; e higienize as mãos antes e depois de manusear o alimento.

Cuidado com os mantimentos comprados por delivery: as instruções são semelhantes às do item anterior, mas é importante verificar se os produtos estão embalados separadamente, se que os alimentos congelados chegam na temperatura adequada, se atentar à datas de validade e alimentos prontos para consumo; e manter os produtos nos locais habituais.

Para ter acesso ao material completo, clique aqui. E não se esqueça: dentro ou fora da cozinha, higienize suas mãos e não toque nas regiões do nariz, olho e boca. A prevenção é o melhor remédio contra qualquer doença. E #FiqueEmCasa

Fonte: Jornal USP

7 Shares:
Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *